Resposta Educativa de Jardim de Infância
Crianças dos 3 aos 6 anos
Com Acordo de Cooperação com o Instituto da Segurança Social e o Ministério da Educação para 69 crianças

Calendário Anual:
1 de setembro a 31 de julho. Encerra em agosto para férias. Encerra aos fins de semana, feriados e dia de carnaval.

Horário de Funcionamento:
das 7.45h às 18.30h

Diretora:
Dr.ª Paula Gamboa

Contactos:
Casa da Criança Rainha Santa Isabel
Portugal dos Pequenitos
R. António Augusto Gonçalves
3040 256 Coimbra
T:239 441059  | F: 239 800 410 | Tlm: 961 712 245
Email: cccoimbra@fbb.p

 

Um pouco de história

A Casa da Criança Rainha Santa Isabel foi a primeira das muitas Casas da Criança que o Prof. Bissaya Barreto viria a construir. Concluída em 1939 e inaugurada a 12 de julho de 1940, revelava já muitas das preocupações educativas do seu fundador, cuja atualidade é de realçar. Na época, fascinava a alegria das cores, o refeitório pitoresco e sedutor com mesas feitas de mosaicos pintados representando todas as espécies de insetos, de crustáceos e moluscos, a fauna e a flora e os peixes que se repetiam nos bancos e nos copos das crianças.

Maior fascínio causava as instalações sanitárias com mobiliário adequado ao tamanho das crianças ou a preocupação de colocar todas as tomadas elétricas a uma altura a que as crianças não chegassem. Nada disto nos surpreende nos dias de hoje mas, se pensarmos que era assim em 1940, talvez haja razão para alguma surpresa.

Neste particular Bissaya Barreto iria mais longe e construiria, para estas crianças, aquele que se tornou o parque lúdico-pedagógico mais visitado do nosso país e único no género – o Portugal dos Pequenitos. Conceptualiza-o para dar resposta a preocupações educativas, nomeadamente as da formação do sentido estético e do conhecimento da história do seu país. Trata-se, por isso, de uma Casa da Criança com um enquadramento muito especial que influencia, de forma definitiva, as suas atividades educativas. Muitos dos projetos vividos com as crianças, senão todos, relacionam-se intimamente com este espaço, nascendo dele e desenrolando-se nele.

É, efetivamente, um espaço que proporciona inúmeras possibilidades de exploração com as crianças. Desde a vivência de episódios da História de Portugal, às nossas tradições, como a Queima das Fitas que todos os anos as crianças “finalistas” festejam na sua Universidade em miniatura, ou ao Património Monumental que existe ali representado estimulando a visita aos monumentos verdadeiros. Tudo pode servir como motivação para um passeio, uma história, um projeto.

Nas palavras de Cassiano Branco ” O Portugal dos Pequenitos é uma biblioteca para as crianças, para ser lida com todos os sentidos”. Ontem como hoje, continua a servir de inspiração, a proporcionar alegria e divertimento, motivo para aprender para todas as crianças, mas, muito particularmente, para aquelas que frequentam a Casa da Criança Rainha Santa Isabel.